boat

Lagoa de Albufeira em Sesimbra, passados dez anos

Passados 14 anos voltei a fotografar o mesmo sítio que no meu tempo que era estudante na etic_, levou a registar algumas imagens de natureza, para trabalhos da escolha, hoje não têm nada a ver com o que era no passado.

Infelizmente o ser humano estragou muito do que existia nesse espaço, a boca da lagoa já não é mesmo sítio e não só. Sabem aqueles sítios de difícil acesso que poucas pessoas percorrem? Ao chegar ao cimo parece que estou num deserto, moveram as areias do fundo da lagoa e fizeram um monte, onde se pode observar conchas e outros detritos.

Lembram- se daquele daquelas cercas de madeira no cima das dunas, pois é já não existem. Desta vez ando a percorrer alguns desses caminhos sozinho, porque infelizmente o meu parceiro de aventuras já não está do meu lado. Se antigamente conversava com meu companheiro de aventuras que partiu, hoje vejo cada vez mais oiço o lamento do mar e natureza a ser degrada pelo ser humano.

Lagoa de Albufeira Sesimbra

No espaço de tão pouco tempo conseguiram tornar uma simples lagoa irreconhecível, caranguejos mortos em pequenos charcos.

Lagoa Albufeira Sesimbra

Daqui a uns dez anos será que teremos um restaurante mesmo no meio da Lagoa? E assim vai o dito progresso que em vez de cuidar das boas coisas que o nosso País têm para oferecer não faz o contrário.